• Announcements

    • Redd

      Bem vindo! [Leia antes de continuar]   01/01/2016

      Seja bem-vindo(a) ao fórum oficial da Speedruns Brasil!

      Este é um espaço que usamos, principalmente, para discussões que envolvem a comunidade como um todo como organização de eventos, feedback dos membros e sugestões.
      Links de interesse: Site: Ponto de partida da comunidade http://www.speedrunsbrasil.com   Discord: Ponto de encontro dos membros da comunidade https://discord.gg/0SjpVmWEShqIFASO   Wiki: Base de conhecimento da comunidade. http://wiki.speedrunsbrasil.com   Facebook: Grupo do facebook da comunidade https://www.facebook.com/groups/sgrbrasil/
    • kbralz

      Doações para Speedruns Brasil   09/24/2016

      E aí pessoal, bom dia, tarde, noite. Antes de mais nada, só queria pedir desculpas pela ausência na comunidade de forma geral . Muitas coisas estão acontecendo ao mesmo tempo que estão impedindo que eu faça speedruns/me mantenha focado nisso. Desde trabalho profissional a voluntários, e a dedicação do pouco tempo livre meu para treino com uma equipe de CS:GO e participação de ligas amadoras. Mas bora falar do que importa. Há alguns meses já, eu o Thiago Cardoso (a.k.a TJ) e Matheus Furtado (a.k.a Furious) conversamos bastante sobre manutenção da página, servidor, etc etc. Tanto que nós fizemos a mudança de servidor há alguns meses pra testar a nova qualidade de serviço deles e outras funcionalidades a mais que não havíamos disponíveis antes. Esses primeiros meses eu e o TJ bancamos os pagamentos para testar se o host iria mesmo atender todas as nossas necessidades, e por enquanto, tem se mostrado tudo OK. Já que tudo parece estar resolvido quanto as especificações, podemos finalmente abrir pra comunidade a possibilidade de doações para manter o serviço funcionando. Obviamente eu e o TJ temos segurado os custos, e vamos assim continuar caso não atinjamos a meta mensal/anual, mas tenho certeza que vocês podem nos ajudar, até porque, é um benefício a todos nós. Quanto é o custo do servidor?  Bom, por mês, custa por volta de R$25,00 (dá uns quebrados porque é baseado no dólar). Ou seja, se cada um ativo da comunidade doar R$1,00 por mês, a gente banca os custos facilmente! Só que convenhamos, doar R$1,00 uma vez por mês todo mês é um saco, né? Então porque não tentamos bancar o custo anual do servidor (inclusive com desconto caso seja feito essa opção) em vez de mensal? Se cada um doar R$10,00, já bancaremos o custo de um ano em pouco tempo! Feito isso, o botão de doação ficará disponível apenas para quem quiser doar para outras razões, fora o custo dos servidores. Ainda estamos cogitando no que podemos investir caso seja arrecadado mais do que o custo anual dos servidores, e com as futuras doações. Coisas desde: Melhoria e atualização no tipo de serviço contratado, ter acesso a mais ferramentas e oferecer mais do que a gente consegue no serviço atual. Ajuda financeira para auxílio de maratonas presenciais/online, independente da necessidade, seja de equipamento ou qualquer outra coisa. Incluindo a Br.AT. Basicamente, qualquer coisa que possa nos ajudar a promover mais a comunidade, página, runners. Vocês mesmos caso tiverem ideias, podem compartilhar aqui! Como você pode doar?  Se você ainda não notou, na nossa página www.speedrunsbrasil.com, logo na tela inicial no canto inferior direito, tem um botão que irá te redirecionar para a doação e você poderá doar qualquer valor.
      Para que conta está indo o dinheiro doado? Eu possuo uma conta no PayPal que não está sendo usada para minha vida pessoal, ou seja, está zerada (na verdade com alguns trocados do TJ que me ajudou a pagar nesses meses de testes) e que será utilizada somente para transações da Speedruns Brasil. Até criarmos uma conta "PJ", essa foi uma solução mais rápida e prática, e o TJ optou por não se voluntariar nessa pois ele utiliza o PayPal constantemente e isso poderia dificultar nossa administração do dinheiro da comunidade. E podem ficar tranquilos, seremos 100% transparentes com tudo. Obviamente, todos os extratos, saldos, atividades da conta serão disponibilizadas publicamente para que vocês mesmos possam conferir a movimentação dela. Não utilizaremos o dinheiro da conta para nenhuma atividade sem antes informar ou coletar opinião da comunidade. Até mesmo o pagamento do servidor (seja ele mensal ou anual dependendo do quanto arrecadarmos) será notificada e colocada a público. No mais é isso gente. Apesar de eu estar sem tempo, eu continuo envolvido no máximo que eu posso com vocês e com speedrun em geral. Posso não ter mais tempo para praticar como eu tinha, mas eu ainda quero fazer essa comunidade crescer e é por isso que eu mantenho fazendo o que eu consigo pela comunidade, seja trabalhando nos fundos dela, seja prestando meus serviços em eventos como as presenciais e na Br.AT e etc.  Obrigado e vamos lá 

      Agradecimentos ao Furious e TJ por me ajudarem tanto e a comunidade em si.

Fabio Mattos

Membro
  • Content count

    2
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutral

About Fabio Mattos

  • Rank
    Junior Member

Informações

  • Sex
    Mulher
  1. Além disso tudo que foi dito acima, também me disponho a ajudar como caster, informar as doações e, de maneira geral, ajudar no bom andamento do evento e da transmissão em si.
  2. Então, eu trabalhei com áudio por um bom tempo da minha vida e aqui tá a minha contribuição. Espero que ajude e qualquer dúvida estou à disposição. TL;DR Fale alto. Feche portas e janelas. Encha a sala/quarto de coisas. Use um microfone USB. HF Se você resolveu encarar o post completo, parabéns! Um longo tutorial o aguarda, portanto tentarei deixar isso aqui o mais dinâmico e leve possível e manter a linha de pensamento pra que fique bem claro como pensar na hora de comprar ou melhorar o áudio de suas gravações e streams. Para começar temos que termos bem claro porque queremos que nosso audio seja bom nas transmissões para não nos perdermos e acabarmos gastando mais do que deveríamos em microfones e equipamentos de som que não vão acrescentar à nossa transmissão o tanto que esperamos (tipo gastar isso em um microfone http://www.sweetwater.com/store/detail/ELAM251E). O som que queremos tem que ser alto e claro, para que o maior número de pessoas consiga entender. Para conseguirmos um som assim é necessário entender o caminho que o som que sai da sua casa faz até chegar na casa de quem o está assistindo. Para começar o som sai de você, é a sua VOZ, que irá rebater por todo o AMBIENTE em que você está e será ouvido pelo MICROFONE que irá transformar o som em impulso elétrico que por sua vez será convertido em bits pelo hardware de seu pc que será comprimido pelo software utilizado na gravação/transmissão e será transmitido até a casa de quem te assiste, sendo novamente transformado em impulso elétrico, e depois em som por suas caixas de som/fones de ouvido. No caso de que não usa fone de ouvido, o som rebaterá por todo o ambiente onde ele está assistindo e será identificado pelo ouvido como som. Nesse post iremos abordar o que acontece até a conversão de sinal elétrico em bits. VOZ Para começar, o som da sua voz, sai de você. Então não importa o quanto você gaste com equipamentos de som e isolamento/tratamento acústico, se a sua voz não está legal, quem estiver em casa terá dificuldades em te entender. Portanto a primeira coisa é aprimorar a dicção. Na maioria dos casos o ideal é falar bem mais alto do que falaria em uma diálogo com outra pessoa. Como referencia, seria como se você estivesse falando em um palco para um pequeno grupo de pessoas ou em uma mesa com 5 ou 6 pessoas. Portanto, não é para gritar, apenas impor a voz. No começo pode parecer estranho falar assim sozinho, principalmente se você não estiver acostumado, mas lembre se de que há pessoas assistindo e quanto mais claro e alto sua voz for, mais fácil será para quem assista entenda (não é para gritar FGS). PS: É claro que existem excessões e estilos diferentes de como fazer isso mas o ponto aqui é soar alto e claro. AMBIENTE Antes de chegarmos no microfone temos que analisar o ponto mais ignorado pela maioria das pessoas, o ambiente em que você está falando. Provavelmente você fará as suas streams/videos de seu quarto ou de sua sala e, uma vez que você bote a voz pra fora, ela rebaterá por todo o local antes de ser ouvido pelo microfone. Além disso temos que considerar os ruídos externos. Se você está ouvindo, pode ter certeza que o microfone também está. É claro que nem todos nós temos centenas de milhares de reais para gastarmos com tratamento e isolamento acústico, portanto, aqui teremos sugestões do que fazer com o que temos em nossas casas. Vamos começar dividindo o tratamento do ambiente em duas partes: isolamento e tratamento. Isolamento é controlar o som do ambiente externo, ou seja, tudo aquilo que não faz parte do que queremos transmitir (barulho de carro, moto, avião, pessoas conversando, cachorro, etc.). Tratamento é controlar o som do ambiente interno, ou seja, tudo aquilo que tem o potencial de complementar o que queremos transmitir (eco e frequências). Vamos começar com o que podemos fazer a respeito do isolamento acústico. Algumas coisas são bem simples, como pedir para que as pessoas que dividem a residência com você(quando houverem) não falem tão alto quando estiver gravando, fechar as janelas e portas para diminuir os sons externos ou até sair para passear com seu cachorro para que não fique latindo o tempo inteiro. De maneira geral, sempre tente colocar algum obstáculo na entre a fonte de barulho e o microfone. Sobre tratamento acústico. Quanto mais coisas houverem no lugar onde você grava/streama menos a sua voz ecoará. Se você já esteve em um apartamento vazio ou mesmo uma sala de aula vazia, já percebeu que o eco torna muito mais difícil de se entender o que se fala. Sendo assim tenha em mente que quanto menos coisas houverem no seu local, pior será o som que o microfone ouvirá. Sério pode encher de tralha que quanto mais tiver e mais desorganizado for, menos eco terá e mais clara será a sua voz. (Sim, é a desculpa perfeita para não arrumar o quarto. Sim, há respaldo científico. Sim, você vai ter que arrumar mesmo assim). MICROFONE Finalmente chegamos na parte que levanta o maior numero de dúvidas. Se você pulou as outras partes eu recomendo lhe recomendo seriamente que as leia. Algumas coisas explicadas anteriormente irão ajudar a escolher o microfone certo para você. Então para inicio de conversa, o melhor microfone que você pode comprar é aquele que você pode pagar. Sério, não gaste fortunas com um microfone pois quanto mais você gastar menos será o retorno de qualidade que ele dará. Um bom microfone USB funcionará bem melhor nesse caso do que nosso garboso Telefunken valvulado de MAIS DE 8000 dólares(Sério, imagina se isso aqui http://www.sweetwater.com/store/detail/ELAM251E cai no chão. E pode acreditar que existem grandes chances de isso acontecer já que a maioria de nós não ira deixar o microfone guardado e só retirar quando for gravar). Existem ótimos microfones disponíveis no mercado por preços atraentes que terão a qualidade necessária para que a nossa voz seja captada alta e clara. Portanto vamos focar em escolher o melhor que pudermos dentro daquilo que podemos gastar. Como já postado anteriormente, existem diversos tipos de polarização de microfones, sendo as mais populares, omnidirecional, cardioide e bidirecional. Se você gravará sozinho não há duvidas de que deve escolher o cardioide, já que ele captara a maior parte do som só de uma direção (lembram do tratamento acústico do tópico anterior? o microfone capta todo o som do ambiente! Então, se pudermos direcionar o que ele ouve apenas para nós, metade do som do ambiente não será captado, resultando em menos eco). Existem algumas variações do cardioide, como o supercardioide ( http://www.sweetwater.com/store/detail/VideoMicProR ) ou hipercardioide ( http://www.sweetwater.com/store/detail/SR30HC ) que são ainda mais direcionais, mas também são mais caros. Estes tipos de microfones não são recomendados caso você se mexa muito. Mesmo poucos centímetros podem ser a diferença entre ser possível ouvir sua voz acima do nível do audio do jogo ou não ouvir mais, por mais essa, fique com os cardioides. Agora que já escolhemos a polaridade, vamos analisar o tipo de conexão dos microfones. Existem conexões analógicas e digitais Um exemplo de digital seria USB e uma analógica seria p2(a mesma da entrada de fone de ouvido). Nesse caso é recomendado uma conexão digital. Como nem todos as placas-mãe de pc tem os seus circuitos de áudio isolados, muitas vezes comprar um microfone com conexão analógica, por melhor que ele seja, resultara naquele desagradável ruído de estática, não por causa do microfone mas por causa de seu computador. Comprando um microfone USB, a parte analógica fica dentro do próprio microfone e, sendo assim, mesmo que seu computador não tenha os tais circuitos isolados, o audio vindo do microfone não passará por lá e o ruído não será transmitido. Microfones USB ruins também geram o mesmo ruído então não adianta pagar muito barato. Outro ponto de duvida pode ser se você deve comprar um microfone dinâmico ou condensador. Honestamente, tanto faz. Existem bons modelos dos dois tipos, e por mais que muitos digam que os condensadores são melhores, o microfone padrão utilizado nas rádios é dinâmico (http://www.sweetwater.com/store/detail/SM7B) (http://www.sweetwater.com/store/detail/RE20), por isso é melhor concentrar-se mais no quanto você tem para gastar do que se você deve pagar mais caro em um microfone só por ele ser condensador. POSICIONAMENTO Ah você achou que tinha acabado? Pois existe um detalhe bastante subestimado que é o posicionamento do microfone. Lembrem sempre, estamos querendo evitar sons indesejáveis e como não estamos em um estúdio profissional, temos que dar um jeito de maximizar o potencial do nosso som. Posicionar o seu microfone na sala/quarto é essencial para que se diminua o som vindo de fora e pegue o melhor de sua voz. Sempre tente deixar o microfone virado na direção contrária da maior fonte de barulho do ambiente (porta, janela ou até mesmo outras pessoas) e se o som estiver estourando cada vez que fala a letra P, B ou D, tente falar de mais longe ou deixar ele apontado ligeiramente para o lado (é mais barato do que comprar um pop-filter e tão eficiente quanto). O mesmo serve se os sons de S, Z ou X estiverem muito estridentes.